PROPOSTA PEDAGÓGICA

  • Uma das principais características da educação montessoriana é enxergar a criança como um indivíduo que precisa de estímulos para o seu desenvolvimento global. Dessa forma, o método Montessori acredita que o ato de educar vai além da simples transmissão de conteúdos, sendo um momento para o seu amadurecimento social, cognitivo, emocional, cultural, entre outros.

    No CMSA, observamos alguns princípios montessorianos:

    Educação é ciência: o processo educativo deve ser baseado no método científico para compreender a criança e o ambiente educacional. 
    Educação Cósmica: o termo cosmos significa ordem. Na educação montessoriana o educador organiza o modo de levar o conhecimento à criança.

    Ambiente preparado: o local destinado à criança é preparado para promover o seu desenvolvimento global. O CMSA tem espaços que atendem as necessidades das crianças, com mobiliário adequado ao tamanho de cada faixa etária, o que permite aos pequenos terem livre acesso aos materiais e móveis.
    A autoeducação é a principal característica da escola montessoriana. Nesse sentido, a criança é vista como personagem importante e com papel ativo no processo de aprendizagem. O aluno vai construindo o seu ritmo de aprendizagem e passa por diferentes estágios, que se tornam mais complexos conforme avança. Entende-se, portanto, que a aquisição dos conhecimentos, a aprendizagem em si, é um processo de dentro para fora, conforme o ritmo e interesse do aluno.